DIA MUNDIAL SEM CARRO.. 22.09.. PARE E PENSE NO CLIMA


Ativistas do Greenpeace, vestidos com roupas similares a dos órgãos fiscalizadores de trânsito, aplicaram “multas” simbólicas em motoristas de oito capitais. A ação aconteceu às vésperas do Dia Mundial Sem Carro (22 de setembro) como forma de destacar o papel dos veículos no aquecimento global e chamar a atenção das pessoas para outras formas de transporte.

Segundo o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), 37 milhões de brasileiros não usam o transporte público por não terem dinheiro para pagar a tarifa. Ao mesmo tempo, o governo reduz o IPI para carros novos, em uma estratégia para minimizar o impacto da crise econômica no setor automobilístico. Contudo, o subsídio não contempla condicionantes ambientais, como fez o presidente americano Barack Obama no início do ano, ao financiar a indústria americana de carros em troca de motores mais eficientes.

“Os brasileiros das grandes capitais são dependentes dos veículos por falta de opções. O governo tem investido no lugar errado, quando se trata de transportes”, diz Gabriela Vuolo, coordenadora de mobilização da campanha do clima. “Como consequência, os carros inundam as grandes cidades, com impactos no ambiente e no bem-estar da população. Mas o planeta vive uma crise climática tão profunda que toda pequena atitude conta.”
1